Crítica | Troco em Dobro

0

Por Roberta Godoi

Se você tivesse sido preso por algo que acreditava ser certo e, quando saísse, visse que o mesmo crime ainda está acontecendo na cidade, você conseguiria não se envolver novamente? É basicamente sobre isso que a nova distribuição da nossa queridinha Netflix traz em seu catálogo. Troco em Dobro tem muita ação, suspense e até comédia para aqueles que apreciam um filme policial mais leve.

Trazendo em seu elenco Mark Wahlberg (Spenser), como o ex-policial que é preso por bater em seu superior por desconfiar de que algo estava errado com as investigações da polícia em cima dos casos de assassinatos. Quando Spencer (Wahlberg) sai da prisão, precisa ajudar Henry (Alan Arkwin), seu ex treinador de boxe, a moldar um novo lutador de MMA, Hawk (Winston Duke), o que leva Spencer a ficar mais tempo na cidade do que o esperado.

Spencer em sua investigação pessoal em busca de respostas | Original Film

O desenrolar do filme começa a partir desse período, colocando as cenas de comédia nos pontos certos, quando Spencer e Hawk começam a trabalhar juntos. A partir disso, a trama ganha um tom mais denso quando o ex-policial se vê novamente na situação de tentar desvendar o assassinato de seu ex-colega da polícia, que foi acusado de ter matado o superior, o que faz Spencer (Mark Wahlberg) desconfiar que realmente tenha sido ele.

A roteirização do filme, escrita por Sean O’Keefe, merece destaque pois, soube fazer com que o desempenho da trama prenda a sua atenção nos momentos de suspense e ação, não sendo mais uma produção policial tediosa. Outro ponto vai para a direção de Peter Berg, que conseguiu trazer para as telas um filme policial com humor e que não faz com que a produção fique chula ou se perca no meio da história por conter as cenas engraçadas.

Troco em Dobro é um filme fácil de se assistir, leve e, pode ser que tenha a cara de alguns outros filmes com esse contexto, mas, foi muito bem executado e pode ser que entre para a lista dos seus favoritos Netflix.

O filme leva 4 vidas de 5.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *