Filmes do caso Richthofen terão pré-estreias com exibição dos dois filmes com um único ingresso

0

Os longas A MENINA QUE MATOU OS PAIS e O MENINO QUE MATOU MEUS PAIS ganham as salas de cinema a partir de 19 de março, em sessões antecipadas com os dois filmes em sequência. O público que aproveitar a ação especial desembolsará somente o valor de um ingresso para assistir aos dois filmes.

A partir de 2 de abril, data de estreia oficial, os longas serão oferecidos em sessões separadas. Será possível comprar um pacote para ver os dois filmes pagando um valor equivalente a um ingresso e meio (válido para inteira e meia entrada). Não será necessário assistir aos longas no mesmo dia para aproveitar a promoção. Já quem optar pela compra do ingresso de apenas um filme, desvinculado do pacote, não terá nenhum desconto.

A MENINA QUE MATOU OS PAIS e O MENINO QUE MATOU MEUS PAIS, que têm roteiro de Ilana Casoy e Raphael Montes, são baseados nos autos do julgamento de Suzane von Richthofen, Daniel e Cristian Cravinhos pelo assassinato dos pais de Suzane, Marísia e Manfred.

Dirigidos por Maurício Eça, os filmes têm no elenco: Carla Diaz (Suzane), Leonardo Bittencourt (Daniel Cravinhos), Allan Souza Lima (Cristian Cravinhos) e Kauan Ceglio (Andreas von Richthofen), Leonardo Medeiros (Manfred von Richthofen), Vera Zimmermann (Marísia von Richthofen), Debora Duboc (Nadja Cravinhos), Augusto Madeira (Astrogildo Cravinhos), entre outros. A produção é da Santa Rita Filmes em coprodução com a Galeria Distribuidora e o Grupo Telefilms. A estreia simultânea nos cinemas está marcada para 2 de abril.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *