Morre aos 74 Anos Rubens Ewald Filho

0

Um dos principais críticos cinematográficos do Brasil, Rubens Ewald Filho morreu na tarde desta quarta-feira, 19, aos 74 anos. O crítico estava internado desde 25 de maio no Hospital Samaritano em São Paulo. Ele desmaiou e sofreu uma queda em uma escada rolante de um shopping center, e acabou internado para tratamento cardíaco e de fraturas ocasionadas pela queda. Rubens era conhecido como “Senhor Oscar”, alcunha justa, uma vez que durante a vida cobriu diversas vezes o evento, e o conhecia como poucos, durante sua vida foi mestre de cerimônias em diversas emissoras de televisão para comentar a transmissão da cerimônia do Oscar. Passou pela TV Globo e sua casa mais recente foi o TNT.

Além de apresentador, teve alguns outros trabalhos, onde fez com igual maestria, confira abaixo um pouco de sua vida e carreira:

1945 – Nasceu na cidade de Santos.

1967 – Inicia sua carreira profissional no jornal “A Tribuna”, em sua cidade de nascimento.

1977 – Além de crítico, Rubens também teve experiência como autor de novela, seu primeiro trabalho como autor de novelas foi “Éramos seis”, ainda em 77 escreveu Dicionário de Cineastas, obra de referência para os críticos do ramo. 1978 – Foi contratado pela TV Globo, onde escreveu “Gina”.

1980 – Escreveu “Drácula, uma História de Amor”.

1982 – Escreveu “Iaiá Garcia” para a TV Cultura. 2003 – Escreveu o livro “O Oscar e eu”.

2017 – É nomeado secretário de cultura na cidade de Paulínia.

2019 – Sofre o acidente e nos deixa.

O fato é que como diretor, ator, autor, escritor ou apresentador, Rubens Ewald Filho foi um dos maiores nomes da cultura nacional, e deixou um grande legado em sua jornada.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *