Saiba o que achamos da série The Witcher

0

“Dê uma moeda a um bruxo, e ele te mostrará o que sabe.”

Pois bem, dê um livro de conteúdo para uma equipe competente, e ela mostrará o que pode fazer.

The Witcher, por onde começar e tudo o que você deve saber

Foi uma longa espera para os fãs de Geralt. E durante esta espera, muito se falou, reclamou, surpreendeu e assim por diante. Alguns tinham medo desta adaptação não fazer justiça ao original, principalmente pelos erros recentes que a Netflix cometeu com o que andou ‘tentando’ recriar.

Pelo menos, isto não aconteceu com The Witcher!

Vale ou não a pena?

Antes de começar, vale um destaque: The Witcher é não é o novo Game of Thrones. As séries são totalmente distintas, onde o universo de Geralt e cia, foi criado muitos anos antes dos Lobos, Cervos e Dragões.

Pois bem, sabendo disso, esqueça tudo o que leu sobre comparativos entre estes universos e vamos ao que importa!

Vale sim! Cada um dos 8 episódios da série são fabulosos. Desde a concepção das roupas, cenário e batalhas. As cenas noturnas e nas florestas são totalmente visíveis, deixando que o espectador saiba o que está acontecendo e sem erros de um copo aqui ou ali.

Além do que, cenas escuras só servem para esconder algo que ficou inacabado ou errado. Como nos antigos games de terror, onde muitos detalhes do cenário ficavam nas escuras para não mostrar os problemas de renderização. Cenas escuras só servem para isso, além de serem irritantes (aqui sim vale o comparativo com GoT).

Voltando ao foco da série, The Witcher é uma ótima adaptação, que possui mudanças na história, mas nada que irá atrapalhar. Seria complicado colocar o que está escrito e transpor da mesma maneira para a tela em um pouco mais de 8 horas de show.

Adaptar um livro e um conto da forma que foi feita, é inteligente e não irá te deixar perdido. Mesmo que tenha lido, irá conseguir pegar a maneira e porque isto foi feito. Não mexe no conteúdo original e não modifica a raiz do universo de The Witcher. E com certeza fará com que quem apenas jogou, consiga entender todo o contexto que foi meio perdido nos jogos, e quem apenas leu, terá uma nova imersão e um resumo bem feito da jornada de Geralt.

Um dos pontos altos da série é sua crítica. É sempre falado sobre um mal menor e monstros. Estamos acostumados que o mal menor é algo simples que não fará diferença na continuidade dos assuntos ou na vida de outras pessoas. Só que o mal, é sempre o mal. Ele não possui formas e tamanhos. Portanto, o que você faz, irá repercutir no destino de outras.

E falando em destino, um ponto muito utilizado é a responsabilidade. Em muitas cenas temos exemplos de uma pessoa aprendendo algo e dizendo que irá se responsabilizar caso cometa errado. Mas ela esquece, que quando fizer isto, ela irá sim sofrer as consequências, assim como todas as outras que vieram antes dela, e tampem quem as ensinou. O que é nos passado é mais do que uma responsabilidade de como usamos, é com todas as outras que também possuem o mesmo ensinamento.

O racismo é mais proeminente no seriado, do que era esperado. Muito se discutiu sobre Henry Cavill aparecer nu e nas cenas de sexo. Só que The Witcher está além disso tudo e esta crítica social está estampada com um belo golpe de espada em nossas faces. Durante o trailer é dito que nem todos os monstros são de 4 patas, com asas, presas etc. Ficando a entender que os humanos são o pior tipo de monstro. Até pode ser, mas o verdadeiro é aquele que cada um cultiva dentro de si.

Sobre a bondade e a maldade, The Witcher não é cinza. Ele é meio preto e branco, com alguns tons coloridos. Interessante que a série é assim, com cenas mais frias puxando para o preto e branco, outras coloridas etc. Demonstrando que o mundo possui várias camadas e estilos, assim como nossos sentimentos.

A série consegue puxar tantos assuntos que é impossível descrever apenas em um artigo. Porque ela reflete nossos piores medos e nos faz compreender de maneira honesta que somos parte de um mal, que sempre iremos achar menor. Não importa como você viva, sempre irá manipular as pessoas a seu favor de alguma maneira. E irá usar de desculpa que não faz isto.

The Witcher é uma ótima adaptação que irá agradar a todos aqueles que conhecem o universo e aos que acabaram de chegar e que com certeza, merece a espera de uma nova temporada!

Leva 5 vidas de 5!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *